Feliz Aniversário Antonio Pitanga – 13 de Junho de 1939

Neste 13 de junho é comemorado o aniversário de Antonio Pitanga, temos duas informações sobre a data correta de seu aniversário, alguns dizem ser dia 6  e outros dia 13 de junho, achamos que não importa, por isto fizemos uma singela homenagem a um personagem que é referencia cultural do negro no cinema e na tv brasileira e esperamos que vocês curtam.

antonio-pitanga4

Antônio Luiz Sampaio, conhecido como Antônio Pitanga, nasceu em Salvador, Bahia, em 13 de Junho de 1939 e estudou arte dramática na Escola de Teatro da Universidade Federal da Bahia.

Em seu primeiro filme, “Bahia de Todos os Santos” (1960), de Trigueirinho Neto, o ator ainda se chamava Antônio Sampaio. Só que seu papel no filme, o de um tal “Pitanga”, foi tão forte, tão expressivo, que o “apelido” acabou pegando e virou sobrenome. Por conta disso, em 1997, ele mudou seus documentos no cartório e passou a usar o “Pitanga” oficialmente. Até sua filha, a atriz Camila Pitanga, adotou o novo sobrenome, que até hoje muita gente não sabe que veio de um personagem.

antonio-pitanga10

A interpretação de Antonio Pitanga ganhou destaque em alguns filmes importantes da cinematografia nacional, como em “A Grande Cidade” (1966), no qual o ator, apesar de ser baiano, interpreta Calunga, um malandro carioca.

Durante o Cinema Novo, o ator trabalhou muito em filmes de diretores ligados ao movimento como Carlos Diegues e Glauber Rocha, atuando em clássicos como “A Grande Feira” (1961), “Barravento” (1962), “Ganga Zumba” (1964), “Câncer” (filmado em 1968), dentre outros.

A convivência com os diretores que faziam o Cinema Novo despertou a vontade de dirigir filmes. Em 1978, Antonio Pitanga fez “Na Boca do Mundo”. O filme, escrito pelo colega Cacá Diegues e por Leopoldo Serran, tem no elenco talentos como Milton Gonçalves, Maurício Gonçalves, Norma Bengell e até do próprio diretor.

Mais recentemente, atuou ainda nos longa-metragens “Apolônio Brasil – O campeão da alegria” (2003), de Hugo Carvana e “Garotas do ABC” (2004), de Carlos Reichenbach. Em 2006, fez “Zuzu Angel”, de Sérgio Rezende, cine-biografia da estilista que teve o filho, Stuart Angel, morto pelo regime militar e, em 2007, fez “O homem que desafiou o diabo” (2007), de Moacyr Góes.

Além de atuante pela causa negra nas telas de cinema, Pitanga também é membro do conselho do Centro Brasileiro de Informação e Documentação do Artista Negro (CIDAN), ONG idelizada pela atriz Zezé Mota que tem o objetivo de promover a inserção do artista negro no mercado.

Cinema

  • Bahia de Todos os Santos (1960)
  • Weit ist der Weg (1960)
  • A Grande Feira (1961)
  • O Pagador de Promessas (1962)
  • Tocaia no Asfalto (1962)
  • Barravento (1962)
  • Ganga Zumba (1963)
  • Senhor dos Navegantes (1963)
  • Sol sobre a Lama (1963)’[2]
  • Os Fuzis (1964)
  • Lampião, o Rei do Cangaço (1964)
  • Esse Mundo É Meu (1964)
  • Mitt hem är Copacabana (1965)
  • Samba (1965)
  • Menino de Engenho (1965)
  • A Grande Cidade (1966)
  • Mar Corrente (1967)
  • Cangaceiros de Lampião (1967)
  • A Mulher de Todos (1969)
  • Tropici (1969)
  • Golias Contra o Homem das Bolinhas (1969)
  • Corisco, o Diabo Loiro (1969)
  • Em Compasso de Espera (1969)
  • Jardim de Guerra (1970)
  • República da Traição (1970)
  • Juliana do Amor Perdido (1970)
  • Vozes do Medo (1972)
  • Quando o Carnaval Chegar (1972)
  • Uma Negra Chamada Tereza (1973)
  • Joanna Francesa (1973)
  • Mestiça, a Escrava Indomável (1973)
  • Um Homem Célebre (1974)
  • Os Pastores da Noite (1975)
  • Crueldade Mortal (1976)
  • Cordão de Ouro (1977)
  • Ladrões de Cinema (1977)
  • Na Boca do Mundo (1978)
  • A Deusa Negra (1978)
  • A Idade da Terra (1980)
  • Rio Babilônia (1982)
  • O Homem do Pau-brasil (1982)
  • Quilombo (1984)
  • O Rei do Rio (1985)
  • Chico Rei (1985)
  • La mansión de Araucaima (1986)
  • Eternamente Pagu (1987)
  • Dedé Mamata (1988)
  • O Quinto Macaco (1990)
  • Barrela – Escola de Crimes (1990)
  • Mauá – O Imperador e o Rei (1999)
  • Villa-Lobos, uma Vida de Paixão (2000)
  • A Terceira Morte de Joaquim Bolívar (2000)
  • Garotas do ABC (2003)
  • Apolônio Brasil, o Campeão da Alegria (2003)
  • Mulheres do Brasil (2006)
  • Zuzu Angel (2006)
  • O Homem que Desafiou o Diabo (2007)
  • Eu Receberia as Piores Notícias dos seus Lindos Lábios (2011)

Televisão

  • 1968 – Ana – Antônio (Rede Record)
  • 1969 – Vidas em Conflito – Robson (TV Excelsior)
  • 1969 – Sangue do Meu Sangue – José do Patrocínio (TV Excelsior)
  • 1971 – O Homem que Deve Morrer – Pé na Cova
  • 1972 – Jerônimo, o Herói do Sertão – Zabumba (TV Tupi)
  • 1973 – Os Ossos do Barão – Misael
  • 1975 – Ovelha Negra – Dito Preto (TV Tupi)
  • 1977 – O Astro – Epaminondas Napoleão
  • 1977 – Espelho Mágico – Bernardes
  • 1977 – O Espantalho – Sérvulo (Rede Record)
  • 1981 – Rosa Baiana – Capitão Marcos (Rede Bandeirantes)
  • 1981 – Terras do Sem-Fim – Silveira
  • 1982 – Caso Verdade, Borboleta na Cabeça – Homero
  • 1983 – Bandidos da Falange – Delegado Benjamin
  • 1984 – Partido Alto – Jacaré
  • 1984 – Meu Destino É Pecar – Dioclésio
  • 1985 – Tenda dos Milagres – Exu
  • 1985 – Tudo em Cima – Ignorância/Teimoso (Rede Manchete)
  • 1985 – Roque Santeiro – Robusto (participação especial)
  • 1986 – Dona Beija – Moisés (Rede Manchete)
  • 1987 – Corpo Santo – Patrício (Rede Manchete)
  • 1988 – Olho por Olho – Baba Ovo (Rede Manchete)
  • 1989 – Kananga do Japão – Bira (Rede Manchete)
  • 1990 – Pantanal – Túlio (Rede Manchete)
  • 1990 – A História de Ana Raio e Zé Trovão – Elomar (Rede Manchete)
  • 1991 – O Fantasma da Ópera – Marcelo Villar (Rede Manchete)
  • 1993 – Guerra sem Fim – Delegado Azulão (Rede Manchete)
  • 1994 – Incidente em Antares – Thiago
  • 1995 – A Próxima Vítima – Kléber Noronha
  • 1996 – O Rei do Gado – Clementino
  • 1999 – Louca Paixão – Delegado Dantas (Rede Record)
  • 2000 – O Cravo e a Rosa – Capitão João Manoel
  • 2001 – O Clone – Tião
  • 2003 – Celebridade – Comandante Aguiar (participação)
  • 2003 – Agora É que São Elas – Ezequiel
  • 2007 – Amazônia, de Galvez a Chico Mendes – Alcedino
  • 2008 – Os Mutantes – Caminhos do Coração – Newton Carvalho (Rede Record)
  • 2008 – Casos e Acasos – Dr. Carlos
  • 2008 – Faça sua História – José Bonifácio
  • 2010 – S.O.S. Emergência – Antônio
  • 2010 – Cama de Gato – Miguel
  • 2013 – Lado a Lado – Túlio [3]
  • 2013 – Malhação – Jozino de Souza [4]
  • 2014 – Acerto de Contas – Negativo [5]

Teatro

  • 1970 – Hair

Compartilhe

Voltar ao topo