Abertura dos JMPI reúne autoridades e indígenas de 25 países em Palmas

By / 3 anos ago / Esportes / No Comments

Abertura oficial será realizada das 17h30 às 21h, na Vila Olímpica. Cerimônia é aberta apenas para cinco mil convidados.

Índios Kaiapó durante os Jogos Mundiais dos Povos Indígenas (Foto: Marcelo Camargo/Agência Brasil)

Índios Kaiapó durante os Jogos Mundiais dos Povos Indígenas (Foto: Marcelo Camargo/Agência Brasil)

Marcada para começar às 17h30 desta sexta-feira (23), a abertura oficial dos Jogos Mundiais dos Povos Indígenas (JMPI) vai reunir autoridades e indígenas de 25 países em Palmas. A presidente Dilma Rousseff confirmou presença. Por causa disso um esquema de segurança será montado. Segundo a assessoria dos jogos, o evento será aberto apenas para convidados. A abertura será realizada na Vila dos Jogos, nos arredores do estádio Nilton Santos, região sul da capital. Os JMPI segue até o dia 31 deste mês.

Etnias

Um total de 24 etnias brasileiras e povos de mais 24 países estão em Palmas para participar do evento. Os povos brasileiros são: os Asuriní, os Rikbaktsa, os Guarani-Kaiowá, Kaingang, os Karajá, os Bororo Boe, os Javaé, os Kayapó, os Kamayurá, o grupo gavião (Paraketejê, Kyikatejê e os Pykopjê), o povo Canela, Kura Bakairi, Manoki, os Paresi, Tapirapé, Kuikuro, Nambikwara, os Matis, os Pataxó, os Terena, Waiwai, os Xerente e os Xavante.

Cerimônia de abertura

O evento será realizado das 17h30 às 21h, na Vila dos Jogos, região sul da capital. A assessoria de comunicação dos JMPI confirmou que a cerimônia será só para cinco mil convidados. O secretário extraordinário dos JMPI, Hector Franco, disse que eles fazem parte de diversos segmentos da sociedade e que foram definidos pelo cerimonial da presidência da República. A população não terá acesso, mas poderá acompanhar através de telões que serão disponibilizados na praça do Bosque.

A cantora Margareth Menezes, madrinha dos jogos, vai se apresentar na cerimônia. O ex-jogador de futebol, Cafu, embaixador dos JMPI, também estará presente.

Indígenas de 24 etnias brasileiras participam da cerimônia de abertura dos JMPI. (Foto: Marcelo Camargo/Agência Brasil)

Presença da presidente

A presidente Dilma confirmou presença. Mas antes, a partir das 15h, ela se encontrará com os quatro governadores do Matopiba, empresários e outros políticos. Segundo informações do Ministério da Agricultura, a reunião deve discutir a implementação de políticas de investimento na região. O encontro será realizado no Céu Palace Hotel, em Palmas

Avenida interditada

A avenida Theotônio Segurado será interditada. De acordo com a prefeitura da capital, a interdição acontecerá no sentido Sul/Norte, das 16h às 19h. O bloqueio começará próximo a entrada para o aeroporto e seguirá até NS-15, entrada para o estádio Nilton Santos. Não haverá interdição no sentido Norte/Sul.

A prefeituta recomenda que  quem estiver na região sul de Palmas e precisar acessar a Vila dos Jogos ou a região central, utilize a TO-050. Conforme a prefeitura, só terão acesso ao trecho interditado, os carros credenciados e os ônibus do transporte público.

Ainda de acordo com a prefeitura, as pessoas que utilizarem o ônibus coletivo para irem aos JMPI e descerem nos pontos que ficam em frente às universidades Ulbra e Católica, poderão fazer a integração com a linha exclusiva e gratuita que levará direto a entrada do estádio Nilton Santos. Segundo informações da prefeitura, essa linha vai operar com intervalos de cinco em cinco minutos, das 15 às 22 horas.

Índios Pataxó fazem treinamento antes de competirem nos JMPI (Foto: Marcelo Camargo/Agência Brasil)

Programação
16h – 17h
Traslado do Fogo Sagrado para o local dos Jogos
17h30 – 21h
Abertura Oficial dos I Jogos Mundiais dos Povos Indígenas – Cerimônial
Indígena
Arena dos Jogos
21h – 22h
Abertura Feira Internacional de Arte e Artesanato Indígena – SEBRAE

Índios Karajá Xambioá chamam a atenção na Vila Olímpica, em Palmas (Foto: Marcelo Camargo/Agência Brasil)

Indígenas de 24 países, incluindo o Brasil, estão em Palmas para participando do evento (Foto: Marcelo Camargo/Agência Brasil)

Fonte: G1

Daniel Ribeiro

22 anos, estudante de administração gestão pública.

Leave a comment

Your email address will not be published. Required fields are marked. *