Cedecondh trata das violações a migrantes e refugiados na terça

By / 2 anos ago / Brasil / No Comments

senegal

Por Maurício Macedo, da As com/CMPA

Na próxima terça-feira (7/2), a Comissão dos Defesa do Consumidor, Direitos Humanos e Segurança Urbana (Cedecondh) realiza a primeira reunião do ano com o tema “Basta de Violações: quais as políticas e serviços públicos que Porto Alegre oferece para migrantes e refugiados?”. Proposto pelo Instituto Akanni e pela Associação dos Senegaleses de Porto Alegre, o encontro começa às 14h30min, na sala 302 da Câmara Municipal de Porto Alegre (Avenida Loureiro da Silva, 255).

“Temos relatos de violências e abusos contra pessoas de outros países que ferem os direitos humanos. Queremos debater com o poder público, a sociedade e as entidades que trabalham com o tema a respeito do que está ocorrendo e o que pode ser feito para acolher de forma digna esta população”, destaca o presidente da Cedecondh, Marcelo Sgarbossa (PT).

Para a primeira atividade de 2017 foram convidadas representações de diversas secretarias municipais, da Defensoria Pública, Ministério Público, Governo do Estado, Ministério da Justiça, universidades e Alto Comissariado das Nações Unidas para Refugiados, entre outras organizações sociais que atuam no segmento. Segundo o vereador, o objetivo da Comissão é priorizar temas que atentem contra a integridade dos setores mais vulneráveis, atuando como um espaço de acolhimento, debates e articulação para o encaminhamento de soluções.

Também integram a Cedecondh os vereadores Cassiá Carpes (PP), João Bosco Vaz (PDT) e Professor Alex (PSOL) e as vereadoras Comandante Nádia (PMDB) e Mônica Leal (PP).

Daniel Ribeiro

22 anos, estudante de administração gestão pública.

Leave a comment

Your email address will not be published. Required fields are marked. *