Embaixada – No Ensaio de Pagamento de Promessa Quicumbi, em Tavares RS

Realizado há mais de 250 anos, o evento é uma das mais importantes manifestações da cultura negra e, por afinidade histórica, açoriana no RS

O município de Tavares-RS sedia, entre os dias 10 e 13 de julho próximo, uma das mais significativas manifestações culturais do Estado, a EMBAIXADA – No Ensaio de Pagamento de Promessa Quicumbi, promovida pela Irmandade Nossa Senhora do Rosário de Tavares. Pela primeira vez, esta secular manifestação cultural de origem afro-açoriana será documentada com a produção de um documentário em média metragem. As filmagens ocorrerão em paralelo à realização do evento, que irá ocorrer no CTG Galpão dos Carreteiros, às 20h. O projeto é cercado de uma diversa programação, que inclui palestras e oficinas de aprendizado sobre a cultura Quicumbi, sempre com entrada franca. A realização é da Pandorga Produtora Cultural, com financiamento do Governo do Estado do Rio Grande do Sul/Secretaria da Cultura, por meio do Pró-Cultura RS/ FAC – Fundo de Apoio à Cultura.

O auto do Ensaio de Pagamento de Promessas de Quicumbi, com foco na Embaixada, momento de rara inspiração e teatralidade que ocorre na parte central do desenvolvimento da celebração, é realizado há mais de 250 anos e demanda muitos dias de preparação por parte dos cantantes, dançantes e tamboreiros da Irmandade de Nossa Senhora do Rosário, até seu acontecimento, propriamente dito. Com duração de doze horas, o Ensaio – uma das mais importantes manifestações da cultura negra e por afinidade histórica também açoriana, se realiza na cidade de Tavares e Mostardas.

Com o compromisso de manter viva e perene a cultura afro-açoriana, as filmagens, além do Ensaio e Embaixada conterão entrevistas com anciãos da irmandade e peculiaridades musicais, como as batidas de tambor Quicumbi, como o Fogo, Foguinho, Chulia, Sambinha, dentre outros. Ainda, a religiosidade estará presente representada pelo simbolismo do sagrado Feijão Sopinha, trazido da África na carapinha das negras escravizadas e redescoberto nas pesquisas de Luiz Agnelo Chaves Martins, o Gordo.

No sentido de proporcionar o empoderamento das comunidades sobre um bem de tão grande importância e sua multiplicação, serão realizadas duas apresentações da Irmandade, as palestras “Açores, uma visão geral… Suas gentes e sua cultura”, com o compositor e pesquisador Ivo Ladislau, e “A importância das comunidades tradicionais do litoral (e sua afro-açorianidade)” com o historiador Luiz Agnelo Chaves Martins, proferidas nas escolas EEEM Edgardo Pereira Velho e EMEF Onofre Pires, em Tavares, e EMEF Marcelo Gama e EMEF Quitéria Pereira do Nascimento, em Mostardas. Ainda, proporcionando inclusão social, serão oportunizadas gratuitamente duas oficinas de música, onde serão ensinados os ritmos Quicumbis e a confecção de instrumentos como Tambor, Caninha (Reco-reco) Espadas de Uricana, feitas dessa árvore sagrada e a Caixinha de Peditórios de Nossa Senhora do Rosário. As oficinas serão conduzidas pelos músicos Aldo Lucas de Jesus e Eli Jorge de Souza, guias da irmandade. As ações de filmagens, apresentações e oficinas serão realizadas na sede do CTG Galpão dos Carreteiros.

O documentário, de aproximadamente 40 minutos, produzido e editado pela Sol Empreendimentos e Produções Ltda., terá tradução em Libras, garantindo inclusão e acessibilidade, além de serem disponibilizados publicamente na website da Rota Açoriana e na forma DVD para a SEDACTEL, Irmandade de Nossa Senhora do Rosário, Ponto de Cultura Coração do Tambor, Biblioteca Pública Municipal Rosália de Araújo Chaves de Tavares e Biblioteca Pública Municipal de Mostardas.

Programação

Palestras:

A Importância das Comunidades Tradicionais do Litoral (e sua Afro-açorianidade).

Por Luiz Agnelo Chaves Martins (Gordo).

Açores, uma visão geral… suas gentes e sua cultura. Por Ivo Ladislau.

Dia 10/julho – 14h: EMEF Quitéria Pereira do Nascimento (Retovado Km 97 Rst 101,  Zona Rural) – Mostardas-RS

Comunidade Quilombola Maria Quitéria (RST-101, km 95) – Casca/Mostardas-RS

Dia 11/julho – 9h: EMEF Marcelo Gama (Rua Bento Gonçalves) – Mostardas-RS

Dia 11/julho – 14h: EEEM Edgardo Pereira Velho (R. Edgardo P Velho, 494) e EMEF Onofre Pires (Estrada do Capão Comprido) – Tavares-RS

Oficinas de Aprendizado de Cultura Quicumbi:

Dias 12 e 13/julho: 14h – CTG Galpão dos Carreteiros (Rua 11 de Abril, 134) Tavares- RS

Apresentações e Filmagens:

Dias 12 e 13/julho: 20h30min – CTG Galpão dos Carreteiros (Rua 11 de Abril, 134) Tavares-RS

Compartilhe

Voltar ao topo