Mortes de pretos em Curitiba aumentam 65% na pandemia; de brancos, 1%

Número de óbitos no Registro Civil entre os meses de março e julho deste ano escondem realidades bem distintas

Compartilhe

EXPLORE TAMBÉM

Voltar ao topo