OMC confirma economista nigeriana como próxima presidente

Ngozi Okonjo-Iweala vai substituir brasileiro Roberto Azevêdo e promete contribuir com debate sobre vacinas

A economista Ngozi Okonjo-Iweale é conhecida por combater às desigualdades e à corrupção. (Foto: Getty Image)

Da Exame

“O comércio pode contribuir para a saúde pública, percebendo essa conexão, invocando as regras da OMC, discutindo ativamente as questões da Covid-19 e como a OMC pode ajudar… Para mim, isso seria uma prioridade”. Essas ideias foram defendidas em setembro pela economista Ngozi Okonjo-Iweala, eleita nesta segunda para dirigir Organização Mundial do Comércio no lugar do brasileiro

Primeira mulher e originária da África, a nova presidente atuou no Banco Mundial e foi ministra das Finanças da Nigéria. É conhecida pelo combate às desigualdades e à corrupção.

A eleição na economista nigeriana, que substituirá o brasileiro Roberto Azevêdo, marcou também a volta de um player de peso na OMC. Okonjo-Iweala foi apoiada pelo novo presidente dos Estados Unidos, Joe Biden, que assumiu a Casa Branca em janeiro.

Para os Estados Unidos, a nova presidente tem todos os requisitos para fechar os abismos entre a China e os Estados Unidos ou nações ricas e pobres . O apoio de Biden desfaz o bloqueio imposto pelo ex-presidente Donald Trump, depois que um painel de seleção da OMC recomendou Okonjo-Iweala como chefe em outubro.

Nascida na cidade de Ogwashi-Ukwu, no sul da Nigéria, Okonjo-Iweala passou a maior parte de sua infância difícil com a avó, enquanto seus pais estudavam nos Estados Unidos. Ela saiu de casa ainda adolescente, em 1973, para estudar Economia em Harvard e, em 1981, obteve seu doutorado em Economia Regional e Desenvolvimento pelo Instituto de Tecnologia de Massachusetts, tornando-se cidadã dos Estados Unidos em 2019.

Em 2007, ela fundou a NOI Polls, o primeiro grupo de pesquisa de opinião indígena da Nigéria, que tem parceria com a Gallup. No Banco Mundial, chegou ao posto de número 2 do Bird. Com informações da Exame e do G1.

Compartilhe

EXPLORE TAMBÉM

Voltar ao topo