Pimenta Mimosa, empreendedorismo à flor da pele

Luciana Rabello conta que o Sebrae RS ajudou a ampliar o olhar sobre a sua marca

Luciana Rabello, criadora da marca autoral Pimenta Mimosa. (Foto: Divulgação)

Do Sebrae/RS

O mercado até pode ter perdido uma assistente social, mas o mundo da criação em acessórios ganhou uma empreendedora feliz e sempre disposta a crescer e buscar novas capacitações. Luciana Rabello, criadora da marca autoral Pimenta Mimosa, optou pelo empreendedorismo como uma alternativa de vida e não apenas para ter uma fonte de renda extra. “A Pimenta é como uma filha e eu amo o que faço”, conta entusiasmada. A paixão surgiu por acaso, quando ela fazia a segunda especialização em assistência social e começou a usar brincos feitos à mão a partir de botões forrados com diferentes cores e estampas. O sucesso entre amigas e colegas do posto de saúde deixou Luciana animada e ela começou a vender alguns acessórios.

Logo surgiu o convite para participar de uma feira de artesanato e mesmo sem ter uma estrutura montada, Luciana foi em frente com a ajuda da família. Formalizou-se como microempreendedora individual (MEI), criou a marca, o irmão fez a logomarca, a irmã tratou de divulgar pelas redes sociais e a tia e a mãe se esmeraram para ajudar na produção. Sucesso de público e crítica. A partir daí, os convites só aumentaram e ela se deu conta que empreender era o seu destino. A vida como assistente social ficou para trás e Luciana procurou aprimorar o negócio. Ela já esteve entre as 26 mentoradas do projeto Afromentoring, realizado pela Rede Brasil Afroempreendedor e, pelo Grupo Mulheres do Brasil, fez consultoria de gestão financeira com o Sebrae RS e agora recebe consultoria da organização em gestão de planejamento. A empreendedora quer também precificar melhor seus produtos.

“Faço tudo sozinha, então é preciso buscar apoio para ser bem-sucedida”, diz. “Com a consultoria, estou conseguindo ampliar meu olhar sobre a marca”, destaca. E com esta postura, Luciana faz planos para um futuro próximo. A Pimenta Mimosa completará quatro anos em outubro e, entre outras iniciativas, ela pensa em vender seus acessórios por e-commerce e participar de mais eventos itinerantes. “Não quero deixar a marca em um só lugar, quero que seja conhecida por mais pessoas”.

Compartilhe

Voltar ao topo